Ações Positivas

Plataforma para a solidariedade

Escolha um link e clique. Quero ajudar ou quero ser ajudado? Unir estas duas pontas, algo que poderia ser mais difícil, é rápido e fácil através da plataforma E-Solidário, uma Rede Solidária criada por um analista de sistemas para promover o encontro entre Organizações Sociais e pessoas dispostas a ajudar com objetos, tempo ou dinheiro. Registrada como uma associação sem fns lucrativos pelo seu desenvolvedor, Gustavo Dutra Martins, ele mesmo voluntário de ações sociais diversas, ela busca se valer das redes sociais para ampliar o alcance e dar transparência às ações das OSCs e, ao mesmo tempo, permitir que mais pessoas possam oferecer ajuda a partir de necessidades específicas de cada organização.

Criada em 2011, é difícil quantificar o número de beneficiados ao longo deste tempo, mas estima-se que mais de 16 mil pessoas tenham sido impactadas de alguma forma com a possibilidade que a plataforma abre de dar visibilidade para as instituições que buscam apoio. Além das ações via redes sociais, a E-Solidário também realiza eventos que aproximam quem quer ajudar de quem precisa ser ajudado, através das Visitas Solidárias. Tudo começou com a parceria realizada com moradores e a Comissão de Transporte do Condomínio Parque das Rosas, na Barra da Tijuca. Sempre que se consegue um número de voluntários maior, um ônibus que faz o transporte de moradores é cedido para levar os voluntários do Condomínio até uma instituição para que tenham a oportunidade de vivenciar o voluntariado e conhecer de perto para onde vai sua doação.

A partir do sucesso desta parceria, o convite para as Visitas Solidárias foi parar nas redes sociais para quem mais quiser participar, indo em seu próprio carro, como em uma caravana do bem. Uma experiência de amor e de alegria, vendo nos olhos dos beneficiados o reflexo de sua ação solidária, que podem ser as crianças de uma creche ou os idosos de uma casa de acolhimento.

A Rede Solidária também vem ampliando o alcance de suas ações, a fim de fomentar a evolução das organizações. Firmou uma parceria com o Instituto Floriano Peçanha dos Santos (IFPS), entidade com experiência na promoção de ações socioeducativas e culturais para empoderamento de moradores de comunidades empobrecidas, e já está com um projeto-piloto capacitando 14 OSCs. A Parceria Solidária promove serviços de apoio ao desenvolvimento de organizações inscritas na Rede E-Solidário, com capacitação de gestores e equipe, acompanhamento e avaliação na prestação de contas sobre avanços alcançados e suporte à realização de campanhas de arrecadação.

PARA SABER MAIS E PARTICIPAR

Todo o trabalho realizado no E-Solidário é voluntário e suas campanhas de arrecadação são dirigidas às organizações cadastradas na Rede. Qualquer um pode entrar no site e oferecer

tempo, conhecimento, objetos ou dinheiro para quem precisa.

Pode se engajar participando das Visitas Solidárias mensais de voluntários as OSCs e, acima de tudo, saber o que cada uma faz, a quem ajuda, e como precisa ser ajudada. A plataforma é amigável e muito fácil de ser utilizada. Além disto, há ainda o blog, a página do Facebook e o Twitter, onde é possível encontrar mais informação, inclusive agenda e cobertura de eventos que reúnem voluntários e Organizações.

A fim de angariar recurso para custos administrativos, a Rede oferece ainda serviços, como o de medição do aporte de doações e da repercussão deles para a área de responsabilidade social das empresas. E esta é mais uma forma de ajudar.

 

DESAPEGUE

Todos têm em casa objetos usados, úteis e em bom estado, que não se quer mais, mas vão ficando pelos cantos. Da mesma forma, os condomínios costumam ter problemas com objetos que os moradores não querem mais e acabam sendo deixados de lado, ocupando áreas comuns. Ambos podem encontrar a solução para seu problema na doação. Através do E-Solidário, a Organização fica sabendo o que você tem e não quer mais e vai buscar, facilitando encontrar o destino para aquele objeto útil, mas que para você tornou–se um estorvo. Acesse www.e-solidario.com.br e doe!