Assuntos em destaque

Dengue

Combata o Aedes Aegypti, mosquito que transmite a Zika, a Dengue e a Chikungunya, no condomínio

Por concentrar um grande número de pessoas e dispor de vários locais onde o mosquito pode se reproduzir, os condomínios são locais muito propícios para a proliferação do Aedes Aegypti.

90% dos focos estão nas residências (incluindo prédios), o que torna fundamental implantar ações regulares para erradicar locais que concentrem água parada, a fim de proteger a comunidade local, além de contribuir para conter a expansão das doenças transmitidas pelo mosquito.

Como eliminar os focos do Aedes Aegypti

  • Caixas d’água: mantê-las bem tampadas e limpá-las semestralmente. Colocar uma tela de nylon no ladrão.
  • Vasos com pratos: colocar areia grossa nos vasos que possuem pratos, ou furá-los para não acumular água.
  • Vasos de flores: substituir a água por areia grossa e conservá-la úmida.
  • Recipientes que podem acumular água: virar de boca para baixo ou jogar no lixo latas, garrafas, baldes, bacias etc. Passar um pano grosso ou bucha nas bordas, para remover os ovos do mosquito, que naturalmente aderem às paredes ou ao fundo do recipiente, ao lavar o recipiente.
  • Poço do elevador: não permitir acúmulo de água no local. Ao efetuar limpeza dos halls dos andares com água, vedar com panos secos o vão sob a porta dos andares.
  • Cacos de vidro no muro: quebrar os gargalos e fundos de garrafas e/ou colocar massa de cimento.
  • Lona para cobertura de piscina: Instalar bóias (câmaras de ar de pneus) sob a lona, no centro da piscina, para facilitar o escoamento da água de chuva.
  • Ralos: providenciar fecho para ralos que acumulam água.
  • Piscina: mantê-la clorada e filtrá-la diariamente. Lavar sempre suas bordas, para que pequenos acúmulos de água não se tornem focos de procriação do mosquito.
  • Jardim: eliminar a água acumulada em bambus, bananeiras, bromélias, etc. Em bromélias plantadas no chão, pode ser usada como inseticida a seguinte mistura: água + água sanitária comercial, na diluição de 1 ml de água sanitária para 500 ml de água.
  • Tipos de plantas: evitar as que acumulam água, como gravatás, babosa, espada-de-São-Jorge, entre outras.

Como é transmitida a doença

A transmissão só se dá pela picada do mosquito Aedes Aegypti, que ficou infectado porque picou uma pessoa doente. É um dos agentes de contaminação com maior capacidade de transmitir a maior variedade de doenças e alguns fatores contribuem para isso:

  • Sua capacidade de se adaptar e sua proximidade com o homem.
  • Ele prefere água limpa para colocar seus ovos, e qualquer objeto ou local serve de criadouro. Mesmo numa casca de laranja ou numa tampinha de garrafa, se houver um mínimo de água parada, seus ovos se desenvolvem.
  • Tem hábitos diurnos: prefere sair em busca de sangue pela manhã ou no fim da tarde, evitando os momentos mais quentes do dia.
  • Quando vai picar, se a pessoa se mexe, ele vai picar outra pessoa, infectando várias todas as que consegue picar.

 

dengue