Previsão orçamentária e os erros que você não pode cometer ao administrar o quadro de funcionários são os temas do 56º Ciclo de Palestras da Lowndes

A Lowndes Condomínios e Locações promove o 56º Ciclo de Palestras no dia 13 de novembro, quarta-feira, em sua sede, das 9h às 11h. Neste encontro, que é o último de 2019, a consultora de Condomínios da Lowndes, Tatiana Brazil, guiará uma conversa sobre planejamento da previsão orçamentária. Já o Gestor de Recursos Humanos da […]

A Lowndes Condomínios e Locações promove o 56º Ciclo de Palestras no dia 13 de novembro, quarta-feira, em sua sede, das 9h às 11h. Neste encontro, que é o último de 2019, a consultora de Condomínios da Lowndes, Tatiana Brazil, guiará uma conversa sobre planejamento da previsão orçamentária. Já o Gestor de Recursos Humanos da Lowndes, João Luiz, elencará os sete erros que não podem acontecer na administração do quadro de empregados.

Previsão orçamentária é o instrumento de análise e planejamento das movimentações financeiras (despesas e receitas) estimadas para um ano. Com ela, síndicos e administradores tomam ciência da saúde financeira e pode-se organizar e planejar as atividades do condomínio dividindo, assim, as informações com os condôminos, tornando a gestão mais transparente. Preparar uma boa previsão orçamentária evita desperdícios e custos desnecessários. Com um relatório detalhado, é criada uma estabilidade financeira na gestão e, além disso, tem-se, em mãos, uma importante ferramenta para guiar tomadas de decisões estratégicas que visam a manutenção e valorização do patrimônio de todos.

Administrar o quadro de empregados, independente da quantidade de profissionais, não é algo simples e muitas vezes os erros cometidos ocasionam prejuízos econômicos para os condomínios. Seguir todos os parâmetros da legislação trabalhista pode tirar o sono de muitos síndicos e administradores já que nada pode ser negligenciado. Com o objetivo de esclarecer os maiores erros na gestão dos empregados, teremos uma palestra exclusiva com os erros mais comuns na administração de recursos humanos que precisam ser evitados para não se ter surpresas.